02/01/2012

PF registra desvio recorde de dinheiro público em 2011


Share/Bookmark

Valor de R$ 3,2 bilhões foi apurado com base em 269 operações feitas no ano

Corrupção: PF prendeu 225 servidores públicos em 2011
Corrupção: PF prendeu 225 servidores públicos em 2011 (Thinkstock)
Levantamento da Polícia Federal dá uma ideia do volume de dinheiro público desviado para a corrupção no Brasil em 2011. De acordo com reportagem da Folha de S.Paulo, nas 269 operações realizadas no ano passado o órgão flagrou o desvio de nada menos que 3,2 bilhões de reais. O valor representa o dobro do apurado em 2010, em 270 operações. Naquele ano, foram desviados 1,5 bilhão de reais. Em 2009, foram 219 milhões de reais, em 288 operações.
 
Os números apurados pela Polícia Federal são repassados ao Ministério Público, que tem a árdua tarefa de tentar reaver o dinheiro.  O número de servidores públicos presos nas operações da PF também aumentou. Somou 225 em 2011, contra 124 em 2010 e 183 em 2009. No total, a PF prendeu 1.860 pessoas no ano passado. 
 
De acordo com delegados da área de Polícia Fazendária, a alta no valor apurado deve-se a formação de equipes especializadas na investigação do desvio de verbas públicas. Já há grupos assim na Bahia, Ceará, Maranhão, Rio Grande do Sul e São Paulo. 
 
Em 2011, a Polícia Federal realizou a maior apreensão de dinheiro da história: 13,7 milhões de reais  foram encontrados nas casas de auditores da Receita Federal em Osasco, na Operação Paraíso Fiscal.

Nenhum comentário: