19/09/2011

Para Dirceu, ‘crise política, saída de ministro e denúncia de corrupção faz parte’


Share/Bookmark

Jair Stangler, do Estadão.com.br
Para o ex-ministro José Dirceu, “crise política, saída de ministro e denúncia de corrupção faz parte de governador, prefeito e presidenta”. De acordo com ele, que participou de evento em São Paulo nesta segunda-feira, 19, a presidente Dilma Rousseff tem dado resposta adequada.
“Até porque tem dado autonomia o Ministério Público, o Tribunal de Contas da União, a Controladoria-Geral da União. Isso não significa pré-julgar e condenar os ministros que saíram. É a Justiça que tem de dizer”, afirmou. Ele defendeu ainda que a reforma política seja feita e que se melhore a gestão pública.
Ele elogiou o desempenho do governo Dilma na crise econômica, dizendo que o País vai criar mais de 2,5 milhões de emprego e vai crescer. Afirmou que a presidente lançou programas importantes, como o Brasil sem Miséria, e deu continuidade a outros, como o programa de investimentos da Petrobrás. Segundo ele, a presidente está cuidando dos dois principais problemas do País: educação e inovação tecnológica.
Dirceu partcipou nesta segunda-feira, 19, do lançamento do site Brado Retumbante, idealizado pelo jornalista Paulo Markun. Também estiveram presentes ao evento, que aconteceu no Museu da Imagem e do Som em São Paulo, o vereador Agnaldo Timóteo (PR), o ex-governador de São Paulo, José Serra (PSDB), a senadora Marta Suplicy (PT), Eduardo Suplicy (PT-SP), o vereador Netinho de Paula (PCdoB) e o ex-locutor Osmar Santos, entre outros.

 




Nenhum comentário: